logo

Consciência negra: Filmes que falam do preconceito, de luta e superação, da história, da vida!

O dia da dia da consciência negra (20 de novembro) levou-me a pesquisar sobre filmes que narrassem a vida dos negros no Brasil e no mundo. A seleção baseou-se em filmes que assisti e me impressionaram, filmes biográficos de grandes nomes na luta pela igualdade racial e obras de ficção que podem levar á reflexão. Estão em ordem cronológica e não de importância.

  • Ao mestre com carinho (1967)

Um engenheiro negro desempregado começa, em um bairro operário de Londres, a lecionar para alunos brancos indisciplinados. Estes estão determinados a destruir suas aulas. Ele enfrenta o desafio e no final tem que se decidir entre voltar ao antigo cargo ou a continuar como mestre. Um filme clássico dentro do tema.

  • A cor púrpura (1985)

O filme se passa na cidade de Georgia, em 1909. Trata das violências contra as mulheres. Através da saga de uma jovem, violentada de várias formas e em diferentes contextos até que ela tem consciência de seu valor e encontra forças para construir novos caminhos para sua vida.

  • Conduzindo Miss Dayse (1989)

Em Atlanta de 1948, Uma rica professora judia de 72 anos, após um acidente domestico, passa a ter um motorista, que é negro, afro-americano. Inicialmente ela recusa ser conduzida por este novo empregado, mas gradativamente ele quebra as barreiras sociais, culturais e raciais que existem entre eles, crescendo entre os dois uma grande amizade.

4)  Malcolm X (1992)

Biografia de um dos grandes líderes negros americanos, Malcolm X (1925-1965), que   teve o pai morto pela Ku Kux Klan, a mãe internada por insanidade e acabou se tornando um marginal. Foi preso e na prisão ocorreu uma grande transformação na vida de Malcolm X. De assaltante e vendedor de drogas, converteu-se ao islamismo e iniciou sua luta  pela igualdade racial.

5) A história de Martin Luther King  (1994)

A história de um dos ícones da luta contra o racismo Martin Luther King, Jr. (1929-1968) e sua importância na conquista dos direitos civis dos negros nas décadas de 1950 e 1960. Documentário

6)  Amistad  (1998)

Trata-se da história de um grupo de escravos africanos que se rebela e se apodera do    controle do navio que os transporta e tenta retornar à sua terra de origem. Quando o navio, La Amistad, é aprisionado, esses escravos são levados para os Estados Unidos, onde são acusados de assassinato e jogados em uma prisão. Estes passam a travar uma luta pelos diretos básicos de toda a humanidade: a liberdade.

7) A cidade de Deus (2002)

Baseado no romance semi-autobiográfico de Paulo Lins, este clássico do cinema brasileiro mostra, de forma contundente, a expansão do crime organizado, na histórica comunidade do Rio.

8) Quanto vale ou é por quilo (2005)

Filme muito interessante, que foi pouco divulgado. Trata-se de uma analogia entre o mercado de  escravos no período colonial  e a hipocrisia da sociedade contemporânea, expressa através da exploração da miséria por uma Ong. Um filme atual que nos possibilita dizer “a escravidão não acabou”!

9) Histórias Cruzadas ( 2011)

Em uma pequena cidade no sul dos Estados Unidos numa época em a descriminação racial começava a ser debatida na sociedade norte-americana, através das palavras de Martin Luther King, o filme conta a história de uma garota da sociedade que está determinada a se tornar escritora. Ela começa a entrevistar as mulheres negras da cidade, que deixaram suas vidas para trabalhar na criação dos filhos da elite branca, da qual ela própria faz parte. Ao escrever um livro contando as histórias verídicas das negras entrevistadas, expondo como estas mulheres são vítimas de preconceito causa grande impacto na sociedade. O filme se passa na década de 1960, momento-chave da luta pela igualdade racial.

10) Mandela –  O caminho para a liberdade (2013)

Trata-se de uma biografia, que relembra o percurso de Nelson Mandela (1918-2013) desde a sua infância, em um meio rural, até a eleição democrática ao cargo de presidente da República da África do Sul.  Nelson Mandela é revolucionário sul-africano que combateu o apartheid em seu país. A história deste líder político serviu de inspiração a muitos músicos, reforçando a idéia da música como meio de libertação.

Sites pesquisados:

WWW.adorocinema.com

WWW.host.com.br

myteachertati.blogspot.com/2011/11/lista-de-20-filmes-que-abordam-o.html

www.geledes.org.br › Áreas de Atuação › Educação

 

 

 

 

 

Parte inferior do formulário

Parte superior do formulário

Parte inferior do formulário

 

 



Deixe uma resposta