logo

SETEMBRO das FLORES, dos PRAZERES e das DORES

imagem de BGrote por Pixabay

Setembro é um mês muito bonito. As ruas de algumas cidades, como Belo Horizonte, se enchem de pês de ipê. Essas belas árvores  florescem de junho a novembro sendo o auge na primavera e podem  ser rosas, amarelas, roxas, brancas, vermelhas e laranja.  Além disso, por ser Primavera, surgem v=arias flores nos jardins e praças. Falando em flores vamos começar com o texto d Rubem Alves – glória da manhã.

SETEMBRO AMARELO é o mês dedicado à prevenção do suicídio, que é uma campanha que tem como objetivo conscientizar as pessoas sobre o suicídio e como evitar que este aconteça. Especialmente, nesse mês, no dia 10 se comemora o Dia mundial de prevenção ao suicídio.

No dia 10 será postado o  texto O suicídio e suas implicações familiares. Faz menção ás  dores, que fazem parte não só de setembro, mas de qualquer outo mês do ano.

Falando em dores e prazeres tentaremos trazer um texto que tem como referência a afirmação de Freud de que procuramos evitar o sofrimento mais  do que buscarmos o prazer. Um texto que estava prometido para agosto e não foi elaborado.

Faremos, também, uma enquete que busca saber quais são os maiores prazeres na vida das pessoas.

Flores, dores, prazeres têm várias outras rimas: Rimam, por exemplo, com amores, cores e outras coisas  que tornam a vida tão bela.



Deixe uma resposta